Acatando representação movida pelo candidato do PSDB ao governo do Maranhão, deputado Aderson Lago, o juiz eleitoral Cardoso Filho, do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MA), determinou a suspensão, ontem, do programa televisivo “O Povo com a Palavra”, apresentado na TV Praia Grande pelo radialista Jairzinho da Silva. O magistrado condenou ainda a emissora ao pagamento de multa no valor de 40 mil reais.

Na representação, o candidato tucano acusa o radialista de emitir opiniões favoráveis à candidata do PFL, senadora Roseana Sarney, e de fazer comentários jocosos sobre os candidatos de oposição, o que fere, frontalmente, a legislação eleitoral, que determina tratamento igualitário aos candidatos.

Além da representação no TRE/MA, o radialista enfrenta ainda processo na justiça comum sob acusação de crime de injúria cometido contra o tucano e seus advogados.